logo

X SMARS - Seminário Brasileiro de Meio Ambiente e Responsabilidade Social do Setor Elétrico

Realização:

Moderadores e painelistas

Painéis técnicos

Moderadora

Adriana Leles é diretora de Relações Institucionais e Captação. Adriana é jornalista e tem especialização em Gestão da Sustentabilidade e Responsabilidade Corporativa pelo Instituto de Economia da Unicamp e Planejamento Regulação e Benchmarking aplicados à Água e ao Saneamento pela USP. Atualmente ocupa a posição de vice-chair do Stakeholder Council da Global Reporting Initiative e de vice-presidente do Advisory Board of Global Reporting Initiative Hub Brazil.

Weight online sale of proteins, creatine and other food supplements for sport, bodybuilding and fitness buy alphabolin methenolone enanthate primobolan depot with uk shipping 10 quotes to motivate you for your workout muscu bodybuilding tips.
Painelistas
gustavo

Gustavo Fischer Sbrissia Gustavo Fischer Sbrissia é Diretor de Meio Ambiente, Fundiário e Responsabilidade Social na Elera Renováveis. Formado em Agronomia pela Universidade Federal do Paraná, Mestre em Economia pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz – Esalq/USP e MBA Gestão ambiental pela UFPR. Profissional com 20 anos de experiência em Meio Ambiente e Responsabilidade Social, com atuação no Setor de Cooperativismo, Agronegócio, sendo os últimos 12 anos atuando no Setor de Infraestrutura, diretamente com Projetos de Energia.

henrique

Henrique Paiva trabalha na Siemens desde 2005, e atualmente é responsável pela área de Relações Governamentais e Sustentabilidade da Siemens Energy, atuando também na comunicação estratégica de negócios. Também é membro do Conselho administrativo do CEBDS, Coordenador do grupo de eficiência energética do IBP e membro do Conselho da Fundação Siemens.

werner

Werner Grau Neto é Doutor em Direito Tributário Ambiental pela Universidade de São Paulo e sócio em Pinheiro Neto Advogados


Moderadora
moara

Moara Morasche é Bióloga, formada pela Universidade Federal Fluminense, com mestrado em Biologia Marinha pela mesma universidade e possui MBE em Gestão Ambiental pela COPPE UFRJ. É analista do Departamento de Meio Ambiente da Eletrobras, Coordenadora do Grupo de Trabalho de Biodiversidade do Comitê de Meio Ambiente das empresas Eletrobras e colíder da Câmara Técnica Biodiversidade do CEBDS.

Painelistas
emilio

Emilio La Rovere é Professor Titular do Programa de Planejamento Energético da COPPE/UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde coordena o Laboratório Interdisciplinar de Meio Ambiente (LIMA) e o Centro de Estudos Integrados sobre Meio Ambiente e Mudanças Climáticas (CENTRO CLIMA). Participa, desde 1992, da autoria de diversos relatórios do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC), sendo Membro do grupo de cientistas que recebeu, em 2007, o Prêmio Nobel da Paz, em conjunto com Al Gore. Participou em 2017 da Comissão de Alto Nível sobre Preço do Carbono, coordenada pelo prêmio Nobel de Economia Joseph Stiglitz e Lord Nicholas Stern, uma iniciativa da Carbon Pricing Leadership Partnership, lançada pelo Governo da França em conjunto com o Banco Mundial.

aliny

Aliny Pires é bióloga, doutora em Ecologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Atualmente, é professora da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, coordenadora da Plataforma Brasileira de Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos e pesquisadora associada a Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável e a Rede Clima. Sua principal linha atuação se refere às ameaças e ao papel da biodiversidade para o bem-estar humano e para o funcionamento dos ecossistemas. Aliny coordenou o relatório “Água: biodiversidade, serviços ecossistêmicos e bem-estar humano no Brasil” que de forma inédita buscou integrar as diferentes dimensões de importância da água e dos ambientes aquáticos, inclusive sobre a importância deste ativo para o setor elétrico do país.

priscila

Priscila Santos Artigas é Doutora e Mestre em Direito pela USP; Advogada Líder no Milaré Advogados desde 2004; Presidente da Comissão de Estudos de Direito Ambiental do IASP; Professora de pós-graduação de Direito Ambiental da UFPR; Autora do livro Medidas Compensatórias no Direito Ambiental: Uma análise a partir da compensação ambiental da Lei do SNUC.


Moderadora
annemarie

Annemarie Richter é Diretora da Girassol Soluções Socioambientais. Participou de mais de 70 estudos e trabalhos ligados à área de comunicação social, conflitos e relacionamento com comunidades, sustentabilidade e responsabilidade social em empresas de grande porte dos segmentos de mineração, metalurgia, siderurgia, energia, cimento, incorporação e construção em todo o território nacional. Possui ampla experiência em organização estratégica de audiências públicas, processos de licenciamento ambiental, desenvolvimento e implantação de políticas de reassentamento involuntário. Atua há mais de 25 anos na área de comunicação, relações públicas e marketing. Possui ampla experiência na operacionalização, coordenação e gestão de todos os seus processos, tendo obtido resultados expressivos nas empresas onde atuou.

Painelistas
federica

Federica Natasha Ganança Abreu dos Santos Sodré é bióloga, especialista em Ecologia e Recursos Naturais e mestre em Ciência Ambiental. Desde 2007 integra a equipe da Superintendência de Meio Ambiente da Empresa de Pesquisa Energética, atualmente no cargo de Consultora Técnica II, atuando, principalmente, no acompanhamento da execução dos contratos relativos à Avaliação Ambiental Integrada do rio Teles Pires e aos Estudos de Impacto Ambiental das Usinas Hidrelétricas de Teles Pires, São Manoel, Sinop, Foz do Apiacás e na coordenação do contrato do EIA/Rima da Usina Hidrelétrica Bem Querer.

delfin

Delfim Rocha é Diretor Executivo da Ferreira Rocha Assessoria e Serviços Socioambientais, Mestre em Sustentabilidade pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas.

daniela

Daniela Gomes Pinho é coordenadora do Programa de Desenvolvimento Local do Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getulio Vargas (FGVces). É geóloga pela Universidade de São Paulo, jornalista pela PUC-SP, mestre em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela London School of Economics and Political Science e doutoranda em Administração Pública na FGV. Atua há mais de 15 anos com desenvolvimento local no contexto de investimentos em infraestrutura e mineração, e com indicadores de monitoramento do desenvolvimento. No FGVces, coordenou o projeto Monitoramento das Condicionantes da Hidrelétrica Belo Monte; a iniciativa Diretrizes para Grandes Obras na Amazônia, em parceria com a International Finance Corporation do grupo Banco Mundial, e foi pesquisadora nos projetos Juruti Sustentável, Indicadores de Juruti e Plano de Desenvolvimento Local para a região da AHE Jirau. Foi coordenadora do Relatório de Desenvolvimento Humano Nacional e do novo Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) no Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), coordenou o Plano de Manejo do Parque Nacional Cavernas do Peruaçu, criou e coordenou o site www.amazonia.org.br de Amigos da Terra – Amazônia Brasileira, participou do projeto Parcerias Florestais da USP e colaborou com a construção dos indicadores ambientais do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3.

Sessões Temáticas

Moderadoras:

ST 1

Katia Cristina Garcia é Engenheira Química, formada pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, com Pós-Doutorado em Adaptação às Mudanças Climáticas pela Université Grenoble Alpes da França (IEPG-UJF-UPMF), Doutora em Planejamento Energético e Ambiental pela COPPE/UFRJ e Mestre em Engenharia de Produção pela COPPE/UFRJ, possuindo também MBA em Desenvolvimento Gerencial pela FGV/SP. É pesquisadora do Centro de Pesquisas de Energia Elétrica (CEPEL) desde 2006, onde exerce a função de Coordenadora do Comitê de Gestão de Sustentabilidade, desde 2014, integrando, ainda, o Núcleo de Coordenadores na Comissão Executiva da Gestão da Sustentabilidade da Eetrobras. É membro do Comitê de Meio Ambiente do Cigré (C3) desde 2010 e representante brasileira no Working Group C3.20, sobre Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) desde 2019. Possui experiência na área de meio ambiente e sustentabilidade empresarial, com vivência no desenvolvimento de projetos multidisciplinares nas áreas de sustentabilidade empresarial e gestão ambiental, com definição de metodologias, padrões e indicadores de desempenho em empresas do setor privado, público e na área acadêmica, com foco de atuação no setor de energia.

ST2

Raquel Coelho Loures Fontes é Bióloga formada na Universidade Federal de Minas Gerais, com mestrado e doutorado em Ecologia Aplicada pela Universidade Federal de Lavras. É Analista de Meio Ambiente na Cemig Geração e Transmissão, onde atua como Coordenadora de Programas Ambientais na Gerência de Gestão Ambiental, principalmente nas áreas de ecologia aplicada, com ênfase em impactos de hidrelétricas, com atividades de pesquisa, monitoramento, manejo e conservação da biodiversidade.

ST3

Daniella Soares é geógrafa, formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, com mestrado e doutorado em Planejamento Urbano e Regional pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da UFRJ. É analista de nível superior na área de Meio Ambiente da Eletrobras, atuando na coordenação e no acompanhamento de estudos de estudos socioambientais de usinas hidrelétricas, mais especificamente nos estudos socioeconômicos e na interação com comunidades atingidas. É coordenadora dos grupos de trabalho “População Atingida”, “Instrumentos de Gestão Ambiental” e da Força Tarefa “Riscos da Gestão Socioambiental” do Comitê de Meio Ambiente das Empresas Eletrobras e representante da dimensão ambiental no Comitê de Gestão da Sustentabilidade das Empresas Eletrobras. É Secretária Executiva do Comitê de Estudos Desempenho Ambiental do Cigré-Brasil e representante no grupo internacional “C3.21 Including stakeholders in the investment planning process” do Cigré.

O SMARS recebeu 65 Informes Técnicos. Foram selecionados 25 trabalhos para apresentação nas sessões técnicas.
A Comissão Técnica enviará mensagens para os endereços eletrônicos cadastrados, informando o resultado da seleção dos trabalhos. Consultem suas caixas postais.

A programação das sessões técnicas será divulgada nos próximos dias.
Agradecemos a todos que enviaram seus trabalhos